A Pastoral Universitária e Acção Social da Universidade Católica de Moçambique, Faculdades de Educação e Comunicação e de Direito, participou nos dias 26 e 27 de Outubro de 2019 na Peregrinação Arquidiocesana no Santuário da Nossa Senhora Mãe do Redentor no distrito de Meconta, Província de Nampula.

A peregrinação é o acto pelo qual um individuo ou um grupo de pessoas realiza uma jornada ate um destino considerado sagrado, com propósito de buscar o sentido da existência e evoluir na espiritualidade; neste caso para Nampula é o santuário da nossa Senhora Mãe do Redentor, localizado no distrito de Meconta, província de Nampula. O Santuário de Meconta acolheu todas as Paroquias da região da cidade, e a UCM, sendo uma Instituição orientada pelos princípios cristãos, fez parte da mesma.

De acordo com o programa da Arquidiocese, as actividades tiveram início com a bênção dos peregrinos na Se Catedral, bênção esta, feita pelos padres Bernardo e Olímpio, diocesanos de Nampula. E chegado a estacão de Meconta, sua Excelência Reverendíssima Dom Inácio Saure, Arcebispo Metropolita de Nampula, prosseguiu com a procissão, numa caminhada de 5km.

O Arcebispo Dom Inácio Saure, interveio dando boas vindas aos presentes e pediu que fosse momento de oração, porque isto ajudaria na percepção de estar naquele Santuário arquidiocesano.

A Pastoral Universitária e Acção Social da FEC e FADIR, foi representada por 91 membros dentre os quais CTA e estudantes acompanhados pela Prof. Dra. Albertina Celeste Ribaué, Directora Adjunta Pedagógica da FEC,

Pelo reconhecimento do contributo da Pastoral Universitária, o secretariado diocesano incluiu na sua programação, uma hora reservada à UCM (Nampula) para fazer adoração ao santíssimo Sacramento. Portanto, uma das grandes intenções que levou a pastoral a peregrinar, é de pedir o Senhor uma bênção à Universidade Católica de Moçambique, suas Direções, Estudantes, Funcionários e os membros da Pastoral e que o Senhor derrame sua graça para todos os povos da terra, em particular para o povo Moçambicano de forma particular o povo de Cabo Delgado que se encontra desesperado.

Dom Inácio na sua homilia, recordou aos peregrinos sobre o chamamento que Deus fez a cada um para ser missionário, a seguir exemplo de Maria que levou a feliz notícia ao menino que estava no seio da sua prima Isabel. Ainda mais Arcebispo Metropolita de Nampula exortou a não se hesitar de levar a alegria do evangelho ao mundo e no local de trabalho.

Recordou que a peregrinação se realiza num mês que o Papa Francisco proclamou como mês missionário e frisou que dentro da Arquidiocese, as paroquias e as Instituições religiosas como é o caso da UCM devem permanecer em estado de missão, e, apelou os cristãos a serem vigilantes para não se deixar levar com os falsos profetas cheios em nossa volta.

No final recordou à assembleia da Segunda Jornada Nacional da Juventude que irá decorrer em Agosto de 2020, em Nampula e exortou a todos a serem acolhedores. Dom Inácio, agradeceu a todos os participantes de maneira extraordinária ao Presidente do Município da Cidade de Nampula, Paulo Vahanle e a todos movimentos religiosos, tendo salientado nos seus agradecimentos que: “todos somos chamados a fazer o bem na edificação da Igreja em Nampula e da Igreja do mundo sem dar a culpa a ninguém”.

                                                                                        

Berlinda Eugénio- Relações Públicas

 Nordine Pedro- Assistente do Capelão